Como ser bem tratado num serviço público

Inicar a conversa com “Eu não sei como é que vocês aguentam”.

Sempre às ordens.

Anúncios

Um pensamento sobre “Como ser bem tratado num serviço público

  1. Confere. E olha que em alguns serviços públicos, depois de estar uns tempinhos à espera de ser atendido, se prestarmos atenção ao que se passa com os utentes anteriores, esse comentário é bem a propósito.
    (raramente tenho queixas de atendimento, mas sou sempre simpática, no público ou privado: bons dias, se faz favor, obrigada. aqui há tempos houve uma situação chata numa caixa de supermercado, a menina atrapalhadíssima e se calhar em pânico a pensar que eu a ia descompor ou armar sarilho; disse qualquer coisa para aligeirar, do tipo “isto hoje está complicado, hã”, e pronto, ela sorriu, a chatice acabou por se resolver, e ninguém se chateou. não custa nada ser amável. shit happens, e pronto, diz-se uma piada – uso muito o “deixe lá, se é para correr alguma coisa mal calha-me sempre a mim, já estou habituada” – e siga.)

    Gostar

Os comentários estão fechados.